O Governo de Michel Temer  cumpriu o que prometeu. Está retirando os cargos de quem não votou com a orientação do Planalto, ou seja de quem votou pelo afastamento do Presidente  Temer. Na edição de hoje do Diário Oficial da União saiu a exoneração do delegado do Ministério do Desenvolvimento Agrário – MDA do Piauí  Fernando Lima, indicado pelo deputado federal Rodrigo Martins (PSB). “Já era esperado. Todas as pessoas que indiquei já estavam de gaveta arrumada”, frisou o deputado.

Ele falou que estava esperando a publicação das exonerações. O deputado federal indicou Fernando Lima  para o MDA , Luis Sérgio para  a Chesf  e Ney Ferraz para o INSS. “No início de agosto fui chamado para uma conversa com o ministro Moreira Franco e comuniquei que não mudaria minha posição, que votei a favor do afastamento do presidente Temer. Para mim não é novidade perder os cargos”, disse. Ele afirmou que não existe qualquer possibilidade de alinhamentos com o Governo de Michel Temer.

O fato muda toda a composição dos cargos federais no Estado. Um cargo que tem destino previsto é o MDA. Mas ainda faltam a CHESF e o INSS. O suplente de deputado  federal Maia Filho (PP) pode ganhar um cargo

Quem ganha com a mudança é o deputado federal Júlio César que  já trabalhava para indicar o delegado do MDA no Piauí, na vaga deixada por Martins. O deputado do PSD indicou o superintendente do INCRA no Piauí. Se for confirmada a indicação do MDA, todas as ações relativas as questões agrárias (de competência do Governo Federal) no Piauí ficarão nas mãos de Júlio César.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s